Pousada proíbe acesso da população à Praia da Tartaruga durante a virada de ano

De acordo com a população, centenas de pessoas tiveram seu direito de ir e vir limitado pelos seguranças do estabelecimento, que só permitiam a passagem de clientes convidados para uma festa particular que teria sido realizada na faixa de areia

Moradores e visitantes de Armação dos Búzios denunciam a ação de uma pousada e restaurante na Praia da Tartaruga que teria restringido o acesso à faixa de areia durante o Réveillon.

De acordo com a população, centenas de pessoas tiveram seu direito de ir e vir limitado pelos seguranças do estabelecimento, que só permitiam a passagem de clientes convidados para uma festa particular que teria sido realizada na praia.

“Fui à praia da Tartaruga assistir os fogos com minha filha, meu genro e meu marido, e estranhamos o fato de muitas pessoas estarem voltando no meio do trajeto. Da mesma forma, achamos estranho vários carros de luxo indo em direção à praia. Quando chegamos próximo ao restaurante Praia da Tartaruga, fomos barrados pelos seguranças, que afirmaram que nós não poderíamos descer na praia nem para um lado e nem para o outro, pois estava tendo um evento particular na faixa de areia” – detalhou uma moradora, que complementou:

Fiquei indignada e questionei o porquê de uma praia pública ser fechada em plena noite de Réveillon. Outras pessoas que chegaram para assistir os fogos e passar uma noite agradável também se sentiram humilhadas com essa situação. Até agora custo a acreditar que eu e minha família passamos por isso” – lamentou Simone, moradora do balneário.

O mesmo relato foi feito por outros moradores e turistas, que também relatam terem sido intimidados pelos seguranças. Ainda de acordo com a população, não é a primeira vez que um estabelecimento comercial de Búzios restringe o direito de ir e vir durante o Réveillon.

O Secretário de Segurança Pública de Búzios, Rogério Noronha, lamentou o ocorrido e garantiu que ninguém pode impedir o direito de ir e vir de moradores ou visitantes. De acordo com ele, as pessoas que passaram por essa situação devem ir à delegacia fazer um Registro de Ocorrência e, se possível, também devem procurar a Secretaria de Segurança Pública para relatar o caso.

O estabelecimento mencionado na matéria foi procurado pela imprensa, mas o responsável pela pousada e restaurante não se pronunciou sobre o “fechamento” da Praia da Tartaruga durante o Réveillon.

Categoria:Buzios News

Deixe seu Comentário